Concurso Nacional de Arquitetura – Sede da FATMA/FAPESC – Florianópolis – SC

_________________________________________________________________________

Objeto

Seleção do melhor projeto para a sede da Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (FATMA) e da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC).

Organização e Promoção:

Organizador – IAB – SC;

Entidades beneficiárias – Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (FATMA) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC);

Apoio – Associação de Escritórios de Arquitetura (AsBEA).

Quem pode participar:

Arquitetos legalmente habilitados residentes no Brasil; individualmente ou em equipes.

Tipo de concurso:

Nacional, aberto, de arquitetura, em uma única etapa.

Cronograma:

Divulgação e Inscrições – 28 de agosto a 25 de setembro de 2012

Seminário Técnico – 27 e 28 de setembro de 2012

Consultas – 18 de setembro a 16 de outubro de 2012

Respostas às consultas – 25 de setembro a 23 de outubro de 2012

Prazo limite para envio dos trabalhos – 13 de novembro de 2012

Data limite para recebimento dos trabalhos – 23 de novembro de 2012 (18:00h)

 Divulgação oficial do resultado do concurso – 04 de dezembro de 2012

Premiação:

1º Lugar – R$ 75.000,00 (setenta e cinco mil reais)

2º  Lugar – R$ 15.000,00 (quinze mil reais)

3º  Lugar – R$ 5.000,00 (cinco mil reais)

_________________________________________________________________________
Para mais informações e inscrições, consulte aqui a página oficial do concurso.

8 respostas em “Concurso Nacional de Arquitetura – Sede da FATMA/FAPESC – Florianópolis – SC

  1. Outro absurdo desse concurso é que tem que pagar a inscrição para poder ter o direito de saber quem faz parte da Comissão Julgadora… Enviei uma pergunta a organização e foi a resposta que recebi… Como o IAB tolera isso? Como a ASBEA autoriza isso?

  2. Caros colegas,

    Faço coro aos comentários de Marcus Rocha e Marcello Lindgren, concordando inclusive com o primeiro e discordando do segundo quanto ao concurso por etapas, pois, já que é para pensar o “certo” em termos de premiações, como pontuou Lindgren, melhor estender a critíca à própria concepção do processo de trabalho, como argumentou Rocha.

    Por dias melhores de valorização do trabalho

  3. QUE ABSURDO….. não faz o menor sentido um prêmio de 5 mil reais pro terceiro colocado… sou concurseiro e sei da ralação que é….. o primeiro lugar já vai ganhar o contrato… não precisava dessa diferença, acaba virando um BILHETÃO DA SORTE essa história de ser primeiro colocado em concursos no brasil, olha que já tive o prazer de tirar 2 primeiros lugares… mas tb perdi minha saúde pelo esforço que fiz nesses e em outros tantos concursos que tiramos menção, segundo, terceiro e a maioria deles que não ganhamos nada….. é um esforço, um gasto, para nada.. apenas 1 é contemplado com prêmio bom e contrato….. acho realmente um absurdo.

    a lógica seria premiar os 5 primeiros com valores fixos, para todos os tipo de concursos nacionais. o iab estabeleceria um valor ou um piso, tipo 25 mil no mínimo para cada um dos premiados.

    exemplo : 75+15+5 = 95, arredondando 100, ja seria 20 contos pra cada equipe, de primeiro a quinto… ta otimo…. o primeiro lugar não tem que reclamar nada pois terá o contrato..

    o que aconteceu é que, recentemente, houve uma “esperteza” que foi aumentar o valor do primeiro colocado e embutir isso já no contrato total, uma sacanagem…. então sugiro que os valores sejam os mesmos, fixos, para os 5 primeiros.

    menções honrosas tb seriam premiadas com valores de custos dos painéis e afins, algo em torno de 2.500 a 5.000 reais. ou seja…. mais quinzinho por exemplo conseguimos premiar 6 equipes com menção honrosa e 2,5 contos para cada….

    ESSAS MUDANÇAS SÃO URGENTES, PEÇO A ALGUÉM Q SEJA MAIS ATIVO NISSO QUE TOME UMA PROVIDêNCIA.

    sobre a idéia do colega acima de fazer em várias etapas, me perdoe ser direto assim, mas é totalmente enviável….. se te passarem um projeto hoje, pra entregar amanhã, mesmo q seja macro vai tentar evoluir o máximo… de forma que sempre haverão equipes capacitadas que irão muito além de uma concepção macro.

    espero que o IAB ouça minhas sugestões. falei de forma enfática, porque é um verdadeiro ABSURDO a forma como os prêmios tem sido distribuídos nos concursos.

    um abraço e bom trabalho a todos!

    Marcello Lindgren

  4. Rael Belli, boa noite. Fiz uma previsão grosseira dos honorários. Acontece é que apenas o vencedor do concurso os receberá, todos os participantes terão de trabalhar exaustivamente sem remuneração, aliás arcando com os custos par desenvolvimento do projeto. O fato é que as instituições públicas descobriram nos concursos mais uma forma para minimizar os custos de contratação de serviços de arquitetura e urbanismo, bem como o risco. Assim os participantes assumem o risco de não vencerem a concorrência (concurso) e os custos pra desenvolvimento do EP. O fato é que os concursos há tempos engrossaram o caldo frente às soluções. Não se trata agora de concursos de ideias, mas de soluções: plásticas, estéticas, funcionais, de sustentabilidade, de comportamento ambiental termo acústico, etc… logo na primeira apresentação. Acredito que os concursos poderiam ser feitos em etapas, do tipo:

    ETAPA 1 – concepção global, relevando aspectos de ordem macro;
    ETAPA 2 – após selecionados alguns candidatos, os participantes passariam a ser remunerados para desenvolvimento das soluções anteriormente apresentadas;
    ETAPA 3 – desenvolvimento dos Estudos Preliminares, de forma remunerada para escolha do vencedor / segundo e terceiro lugares;
    ETAPA 4 – contratação do objeto, passível de definição do escopo e detalhamento dos custos dos projetos executivos, arquitetônico e complementares.

    O que espero ter colocado e ser entendido é de concordar com a existência de concursos como forma de legítima de contratação de serviços. No entanto, acho injusto trabalharmos gratuitamente para órgãos e entidades públicas com alta capacidade de investimento. Verifique se algum diretor de tais órgãos dirime ou executa consultorias gratuitamente e se as suas ideias forem boas ou positivas as mesmas serão contratadas a posteriori.

    Imaginem se a cada cliente que nos procurasse tivéssemos de desenvolver a solução, apresentar, verificar se a mesma condiz com a expectativa do cliente para depois acionarmos o contrato. Estamos na contra-mão.

    ” Ao vencedor as batatas.”

  5. Ola Marcus, esse concurso segue a risca todas as orientacoes para calculo de honorarios da tabela nacional do IAB aprovada recentemente.
    Esse calculo seu de preco por M2 eh generalista. Considere as repeticoes de pavimento e que grande parte dessa area sao de estacionamento, e veras que os honorarios sao muito bons…se duvidar….bem acima dos praticados em outros concursos!

  6. Neste Portal tenho visto projetos excelentes classificados em segundo e terceiro lugar, considerando que os Clientes destes concursos têm condições; gostaria muito de ver inclusive neste concurso um prêmio de R$ 75.000,00 para cada um dos três primeiros colocados, acho uma forma justa e correta de reconhecer e honrar mais participantes. Os 25 R$/M2 desta forma teriam mais valor.

  7. Esse é um concurso muito bom para os arquitetos participarem. Os prêmios têm valores bem interessantes e acho que é uma boa maneira de tornar o seu nome mais conhecido – e isso é muito importante na arquitetura. Acho que vale a pena tentar fazer um projeto e se inscrever, especialmente porque o concurso é realizado por instituições reconhecidas.

  8. Aproximadamente 25 R$ / M² para desenvolvimento de Estudo Preliminar altamente complexo. O IAB deveria ter vergonha de apoiar tal iniciativa.Custo estimado do empreendimento da ordem de R$ 20.000.000,00. É uma forma interessante de fomentar um banco de projetos. Por concursos sustentáveis.

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s