Biblioteca Pública Daegu Gosan – 2° Lugar

2° Lugar – studio SH

_________________________________________________________________________

(Clique na galeria para visualização ampliada das imagens.)

Memorial Descritivo

(trechos do memorial descritivo publicado em Archdaily.com – tradução e edição: editoria concursosdeprojeto.org)

A maioria das pessoas imagina bibliotecas compostas por grandes plataformas, totalmente equipadas com fileiras de mesas e estantes empilhadas umas sobre as outras, com rígida divisão de programa no edifício. No entanto, o segundo  lugar proposto por Seung Hyun, Yuh e Se Hyeon, Kim do studio SH para a tipologia da nova biblioteca para Gosan propõe uma quebra dessa tendência hierárquica. Desafiando esse limite estrito e proporcionando flexibilidade em seu programa de biblioteca, o “White Diamond” torna-se não apenas um local para explorar o conhecimento, mas também um espaço para meditação com diversas experiências públicas e privadas.

O local onde a nova Biblioteca Gosan será implantada em uma área residencial voltada diretamente para a estrada principal. Embora a porção norte do lote seja relativamente aberta, os outros três lados são tranquilos, próximos da vizinhança residencial. Assim, a inserção de uma caixa típica geraria uma atmosfera muito densa, que poderia não  ser aceita pela comunidade. Dois lados do volume, um de frente para a vista norte da estrada principal e o outro no lado sul, são cortados no sentido diagonal para criar uma atmosfera mais aberta no terreno. Além disso, esses espaços de corte seriam convertidos em praças e pequenos parques para atrair os pedestres.

A característica principal na concepção do “White Diamond” é reexaminar a noção de “plataforma” na estrutura da biblioteca. Programas espaciais típicos de biblioteca são projetados em pavimentos de grandes áreas, proporcionando máxima abertura e circulação. No entanto, tal abordagem dá menos sensação de privacidade para os usuários, que desejam usufruir dos espaços da biblioteca, para leitura. Na nova proposta, os espaços (plataformas) são integrados com a circulação geral em todo o edifício, que funcionam não apenas para a atividade de circular mas também abrigam atividades individuais.

_________________________________________________________________________

Fonte: archdaily

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s