Concurso Habitação para Todos – Casas Escalonadas – Menção Honrosa

Concurso Habitação para Todos

GRUPO 02 – CASAS ESCALONADAS

Menção Honrosa – Projeto 02

______________________________________________________________________

Memorial Descritivo

“A operatividade da arquitetura se reconhecerá na capacidade de estabelecer relações entre a forma da arquitetura e o urbano”. (Manuel Mendes “A experiência é uma invenção”.)

A habitação como forma de construir a cidade pode ser entendida como a relação primordial entre a forma da casa e a forma da cidade, como é decorrente nas discussões sobre bairros destinados à habitação popular, a sobreposição das funções de lazer / morar / trabalhar cria uma complexidade de usos que permite a criação de bairros vivos e produtivos para a cidade como um todo.

“La casa es el espacio mínimo en el que ha de poder desarrollarse una rica experiência vital en cualquier contexto urbano. La casa es el modelo inicial para cualquier combinación que conduzca a la construcción del bloque de habitación, del bairro y de la ciudad”. (Ignasi de Solà- Morales, Introducción a la Arquitectura.)


A possibilidade de abrigar funções essenciais para a sobrevivência de muitas famílias, como o espaço proposto para comércio é essencial para a sustentabilidade do loteamento, proporcionando maior interação da comunidade e aprimorando a relação entre o público e o privado.

“Os indivíduos são quem determinam a forma, a extensão e o grau de dispersão das peças da casa. Eles são a casa”. (Allison e Peter Smithson, Cambiando el Arte del habitar.)


Este espaço flexível permite a apropriação do usuário da sua residência, introduzindo conceitos de diversidade, flexibilidade, personalização e, principalmente, de identidade do morador com sua casa / bairro / região tornando o morador um agente ativo da qualificação do espaço onde vive. Este espaço coringa proposto pelo projeto se configura como suporte de diversos programas que podem se adaptar de acordo com as necessidades de cada família: pátio, dormitório adaptado, dormitório com acesso independente, garagem, comércio ou serviço.

“Necessidades básicas: uma vista para o céu, um pedaço de terra, intimidade, a presença da natureza e dos animais; impulsos básicos: expandir-se, controlar, moverse.” (Allison e Peter Smithson, Cambiando el Arte del habitar)


A casa procura a flexibilidade dos elementos e das funções para que possa tornar-se parte da cidade. É proposta uma linguagem mais contemporânea da arquitetura buscando uma nova identidade através da utilização de materiais simples que configurem uma paisagem inovadora e ao mesmo tempo mantenham aspectos importantes do imaginário da casa.

A tipologia de casa escalonada combina uma crescente demanda por habitações de interesse social e a necessidade de ocupar terrenos com grandes inclinações. A casa em desnível, características da implantação do projeto, segue uma estética que gera ordem e propicia uma padronização do loteamento que, de certa forma, remete às implantações convencionais em morros, ou seja, a estética da favela como elemento de projeto e a busca de uma identidade para a comunidade.

A tipologia se resolveu com a delimitação de 3 núcleos básicos: social, serviço e íntimo. A parte social volta-se para rua assim como o espaço coringa. O núcleo de serviço aproveita o desnível para ter iluminação e ventilação natural através de janelas altas, prevendo um banheiro com capacidade de atender as demandas de acessibilidade que prevê a casa. O setor íntimo é separado da casa pelo desnível, tendo maior privacidade.

A estratégia de projeto é fornecer uma casa compacta que permita o crescimento da família e a adaptação da casa a pessoas portadoras de deficiência física. O layout de acessibilidade prevê a construção de mais um dormitório no nível da sala / banheiro / cozinha e serviço.

DISPOSIÇÕES:

A casa foi pensada para proporcionar e se adaptar a variados tipos de disposições sem perder suas principais características de usos, acessibilidade e expansão. Pode ser utilizada isolada no lote, geminada duas a duas, ou mesmo em fita, ou ainda em outras configurações mais complexas.

____________________________________________________________________________________________

Ficha Técnica

Autores: Cássio Sauer, Elisa Toschi Martins, Patrícia Milano

Consultores: Juliano de David, Michael Moreira

____________________________________________________________________________________________

Agradecemos aos autores pela disponibilização do projeto para publicação.

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s