Concurso Habitação para Todos – Casas Térreas – 1º lugar

Concurso Habitação para Todos

GRUPO 01 – CASAS TÉRREAS

1º lugar

_______________________________________________________________________

Memorial Descritivo

Felicidade, bem estar e qualidade de vida. Esses foram alguns dos mais importantes conceitos que, juntamente com a concepção de um projeto bioclimático,formaram o nosso objetivo com esse projeto.

O maior desafio foi a busca por uma solução lógica e racional capaz de demonstrar que a qualidade de uma habitação não deve corresponder ao padrão econômico de uma determinada classe social, mas sim aos conhecimentos técnicos do seu momento histórico, rompendo um paradigma antigo e dominante de que as casas populares devem ser marcadas pela simplicidade de suas construções.

O objetivo consiste na idealização de uma casa compacta que possa dar mais liberdade aos moradores, com espaços livres dentro de suas dependências sem deixar de lado, é claro, a qualidade visual e volumétrica das mesmas. A preocupação com a fachada, com a identidade, a heterogeneidade e a descompactação do tradicional modelo da casa retangular, são pontos chaves na elaboração da nossa proposta. A residência consiste em um programa reduzido, resolvido a partir de dois blocos lineares interligados por um terceiro bloco com funções distintas, sendo um módulo para os dormitórios e banheiro, outro para a área de serviços (cozinha e lavanderia) e um terceiro – de ligação – abriga a sala de refeições e a sala de estar.

O formato alongado e estreito visa garantir a iluminação e radiação direta total dos ambientes da casa, já que, de acordo com a inclinação do sol para a latitude das cidades do Estado de São Paulo, o formato quadrado ou retangular de certas dimensões impossibilitaria o alcance da luz em toda a sua extensão. O mesmo terreno, com as mesmas dimensões, foi pensado para abrigar a casa de dois e três dormitórios, prevendo, assim, a expansão de mais um quarto da menor habitação em caso de crescimento do número de integrantes da família.

Acreditamos que a qualidade dos espaços projetados influencia diretamente na qualidade de vida e bem estar dos ocupantes e foi assim que procuramos trabalhar. Contamos com a opinião de moradores do atual sistema habitacional do CDHU e estivemos dispostos a ouvir e compreender a respeito das atuais carências, problemas, necessidades, preocupações e anseios, a fim de desenvolver um trabalho com a aprovação do usuário final.

Análise Sustentável

Otimização de recursos

O projeto se aproveita ao máximo dos recursos naturais tais como o sol (para esquentar a casa), o vento (para refrescar e regularizar a alta umidade) e a água da chuva (para rega do jardim e descarga do banheiro). A modularidade imposta pelo sistema construtivo é visto como um fator muito positivo, já que se eliminam os resíduos sólidos da construção e otimiza-se o tempo de construção. De fato, o simples e tradicional método construtivo permite que os próprios usuários possam construir mais da metade da residência.

Diminuição do consumo energético

Neste projeto a casa se aquece por efeito de estufa, a água se esquenta por meio de placas solares. A iluminação natural é predominante em todos os ambientes da casa, sendo necessária a utilização de energia elétrica somente quando não houver mais luz natural, e a ventilação é constante para refrescar nos meses quentes de verão. O principal objetivo de um desenho bioclimático é eliminar os dispositivos tecnológicos que proporcionam calor e resfriamento a um edifício.

Diminuição de resíduos e emissões

As únicas emissões da casa foram geradas pela obtenção dos materiais a serem empregados. O mesmo acontece com resíduos, já que o sistema construtivo e os materiais empregados possuem um alto grau de industriliazação, estando na medida exata para o uso.

Melhoria da saúde e bem estar dos usuários

A casa se ventila de forma natural e aproveita ao máximo a iluminação natural. Além disso, conta com pátios descobertos gerando possibilidades de lazer para os usuários, o que cria um ambiente saudável e proporciona o aumento de qualidade de vida aos ocupantes da residência. Uma cobertura ajardinada permite também que os moradores cultivem seus próprios alimentos para consumo próprio, ou até mesmo desfrutem como uma área de sol.

Diminuição do preço e da manutenção das casas.

A racionalização dos processos construtivos e dos componentes da edificação são premissas básicas no combate ao déficit habitacional brasileiro. A industrialização da construção promove a economia em virtude da produção em grande escala, além de reduzir o tempo de execução da obra e o desperdício de materiais.

Acessibilidade

O conceito de “Habitação para Todos” (nome que dá origem ao concurso) foi de fato levado a risca. Foram concebidas residências que permitem que os cadeirantes e portadores de necessidades especiais realizem todas suas funções da maneira mais simples possível. Todos os cômodos da casa foram minuciosamente pensados para poder atender perfeitamente as normas de acessibilidade, dando assim mais conforto aqueles que mais precisam.

_______________________________________________________________________

Ficha Técnica

Autores: Gustavo dos Santos Corrêa Tenca, Giuliano Augusto Pelaio, Inácio Cardona, Érica Christina Rodrigues Souza

Colaborador: Saulo Feliciano

_______________________________________________________________________

Agradecemos aos autores pela disponibilização do projeto para publicação.

3 respostas em “Concurso Habitação para Todos – Casas Térreas – 1º lugar

  1. Parabéns pelo resultado, muito merecedor do prêmio.
    Onde podemos ver os painéis do projeto do concurso?
    Na internet há algum link que aponte para eles?
    Abraço.
    Erick Varela

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s